Arquivo mensal: outubro 2011

De sua amiga com todo carinho.

Padrão

 “Sentimentos são assim…confusos, complexos, intensos e completos. Quando se ama, se ama por completo. Da mesma forma que se odeia algo. Não consigo ver nessas duas palavras um significado relativo. Quando você não é completa no sentimento, apenas substituímos a palavra. Vamos focar só no significados das palavras. O amar e o gostar. Ambos você está envolvida emocionalmente e se entrega…mas o limite da entrega é parcial. No gostar você sofre, chora, sorri, se decepciona… tudo igualzinho no amor. Mas o limite da dor é que muda”

Trecho da última carta para Maria.

-Qual é o limite do sentir? Do se entregar? Do desconstruir?